Nutrição nos esportes de Endurance

Como tendência mundial, o estilo de vida saudável atrelado ao esporte vem ganhando novos participantes a cada ano. Neste meio, as competições esportivas de esporte de alto rendimento  ganham cada vez mais espaço. É o caso da corrida, seja de montanha e de rua, como do triatlo, especialmente o triatlo de longa distância.
Atletas de todos os níveis estão constantemente à procura de maneiras para otimizar seu desempenho. Especialmente nos esportes de endurance, a nutrição é peça fundamental neste processo.

Saber se alimentar corretamente durante os treinos e na prova auxiliam na busca da linha de chegada no menor tempo e sem “quebrar”. O atleta pode estar bem preparado física e mentalmente, mas se ele não se alimentar corretamente durante a prova seu desempenho pode ficar muito abaixo do esperado. Muitos atletas relatam problemas intestinais e desconforto gástrico ao se alimentarem durante longos períodos em atividade, nesse caso pode ser necessária uma adaptação do organismo para tolerar maiores quantidades de carboidratos durante o treinamento ou competição sem que cause desconfortos. O “treinamento nutricional” pode melhorar o esvaziamento gástrico, a absorção de carboidratos pelo intestino e possivelmente reduzir a ocorrência de problemas gastrointestinais, melhorando a performance e a experiência do atleta.
Quando bem orientada, a nutrição pode reduzir a fadiga, permitindo que o atleta treine por mais tempo ou que se recupere melhor entre os treinos; reduzir as lesões ou ajudar na recuperação das mesmas; aumentar os depósitos de energia para a competição; e finalmente ajudar a saúde geral do atleta.
Outro fator importante em modalidades de endurance é a hidratação. A perda hídrica pode levar o organismo à desidratação. O equilíbrio hidroeletrolítico pode ser alterado devido a desidratação, em especial quando acontece em ambientes quentes, dificultando a termorregulação e apresentando riscos para a saúde. Um quadro de desidratação grave pode, facilmente, impedir que o atleta finalize a competição.
Diante dos fatores mencionados, fica evidente a importância de uma nutrição bem executada não só durante as competições, mas ao longo de todo ciclo de treinamento, quando se visa performance no endurance.

Nutricionista, Ciça Carvalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
1 + 26 =